Berlim, 10/6/2018.

O Caminho Neocatecumenal celebrou no sábado 9 de junho o aniversário de seus 40 anos de vida em Berlim. Hoje, domingo 10, além disso, foi apresentado o livro “Anotações”, do iniciador do Caminho e responsável internacional, Kiko Argüello, e a prestigiosa Filarmônica acolhe desde às 20 horas (hora local) a Celebração Sinfônico-catequética “O Sofrimento dos Inocentes”.

O Cardeal Secretário de Estado do Vaticano, Pietro Parolin, enviou uma mensagem em nome do Papa Francisco em razão deste evento.

A seguir, o conteúdo da mensagem:

______________________________

A sua Excelência Reverendíssima Mons. Dr. Heiner Koch Arcebispo de Berlim

O Papa Francisco acolheu com alegria a notícia da interpretação da sinfonia “O Sofrimento dos Inocentes”, de Kiko Argüello, que será realizada em Berlim, e saúda a todos aqueles que se aproximaram da Berliner Philharmonie para este acontecimento. Enraizada na tradição e inspirada nas lamentações bíblicas, esta sinfonia comemora as inumeráveis vítimas da “Shoah”.

Nunca se deve cessar a recordação da violência atroz, da indizível dor e do extermínio de um povo. Mais que isso, é uma advertência constante a todos nós, para que nos empenhemos na reconciliação, na recíproca compreensão e no amor por nossos “irmãos mais velhos”, os hebreus, e ao mesmo tempo em uma vida dedicada em favor dos que sofrem, dos necessitados e de todos aqueles que anseiam profundamente pela salvação.

O Santo Padre se une a esta intenção e invoca a bênção de Deus misericordioso sobre todos os presentes.

Com meus melhores desejos,

Pietro Cardeal Parolin Secretário de Estado de sua Santidade